AltaVista
Google

42.29. pg_trigger

O catálogo pg_trigger armazena os gatilhos das tabelas. Para obter informações adicionais deve ser consultado o comando CREATE TRIGGER.

Tabela 42-29. Colunas de pg_trigger

Nome Tipo Referencia Descrição
tgrelid oid pg_class.oid Tabela onde o gatilho se encontra
tgname name   Nome do gatilho (deve ser único entre os gatilhos da mesma tabela)
tgfoid oid pg_proc.oid Função a ser chamada
tgtype int2   Máscara de bits identificando as condições do gatilho
tgenabled bool   Verdade se o gatilho estiver ativado (atualmente não é verificado em todos os lugares onde deveria ser, portanto desativar o gatilho definindo esta coluna como falso não funciona de forma confiável)
tgisconstraint bool   Verdade se o gatilho implementa uma restrição de integridade referencial
tgconstrname name   Nome da restrição de integridade referencial
tgconstrrelid oid pg_class.oid Tabela referenciada pela restrição de integridade referencial
tgdeferrable bool   Verdade se for postergável
tginitdeferred bool   Verdade se for inicialmente postergado
tgnargs int2   Número de cadeias de caracteres argumentos passadas para a função de gatilho
tgattr int2vector   Atualmente não é utilizado
tgargs bytea   Cadeias de caracteres argumentos a serem passadas para o gatilho, todas terminadas por nulo

Nota: pg_class.reltriggers deve corresponder ao número de gatilhos encontrados nesta tabela para uma determinada relação.

SourceForge.net Logo CSS válido!